CTEEP divulga resultados de 2016

No final do dia de ontem (23/2), a CTEEP divulgou ao mercado os números do seu desempenho no ano de 2016.

Ao longo de mais um ano, a companhia pautou sua atuação pelo disciplina no controle de custos, a busca constante da eficiência e a análise criteriosa de seus investimentos, com o objetivo de aumentar a rentabilidade.

“Os resultados financeiros que alcançamos em 2016 atestam o compromisso da CTEEP com excelência de gestão e crescimento sustentável”, diz Reynaldo Passanezi, presidente da CTEEP.

Confira alguns dos principais números da companhia:
  •  A Receita Operacional Líquida atingiu R$ 7.789,2 milhões. Esse resultado decorre, principalmente, do reconhecimento da remuneração do ativo de concessão do RBSE (ativos não amortizados existentes em maio de 2000) no montante de R$ 6.503,6 milhões. 
  • O Lucro Líquido totalizou R$ 4.949,3 milhões, comparado a R$ 517,2 milhões em 2015. Esse resultado também tem o impacto do reconhecimento da remuneração do ativo de concessão do RBSE, no valor de R$ 4.292,4 milhões. Excluindo esse efeito, o lucro líquido cresceu 27,0%, alcançando R$ 656,9 milhões. 
  • O Ebitda (lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização) Consolidado registrado em 2016 foi de R$ 7.404,8 milhões. Excluindo o efeito do reconhecimento da remuneração do ativo de concessão do RBSE, o Ebitda foi de R$ 901,1 milhões em 2016, aumento de R$ 225,3 milhões na comparação com 2015. 
  • Dividendos das Subsidiárias: recebimento em 2016 de dividendos no montante de R$ 79,2 milhões das subsidiárias Evrecy, IEJapi, IEPinheiros e IEMadeira; 
  • Debêntures de Infraestrutura: em 15 de julho de 2016 a CTEEP emitiu R$ 148,3 milhões de debêntures simples, não conversíveis em ações, nos termos da ICVM 476/2009, com remuneração de IPCA +6,0413% a.a. e vencimento  em 15/07/2021.

  Voltar