Em um processo semelhante ao de uma mercadoria qualquer, a energia é um produto que precisa ser transportado do local de sua produção até seu consumidor final. É preciso, portanto, que ela saia das usinas – hidrelétricas, eólicas, nucleares, termelétricas ou solares – e seja transmitida até as cidades, indústrias, zona rural e outros locais de consumo.

Saindo da geração nas usinas, ela é, então, conduzida pelas linhas de transmissão – de empresas de interligação elétrica, como a ISA CTEEP – até as subestações e redes de distribuição.

Nas subestações, as linhas de transmissão são conectadas para que a energia possa seguir em direção a diferentes localidades. Nesse trajeto, a energia elétrica – que está em alta tensão – passa por equipamentos transformadores, tornando-se de baixa tensão, ou seja, apta ao consumo doméstico. Chegando às cidades, as redes de distribuição se encarregam por levar a eletricidade às casas, às escolas, aos hospitais, às indústrias, etc.

 

Atualizado em 28 de junho de 2016.